EVENTOS E PARCERIAS

Visite a Exposição o Palhaço no SESC MERITI/RJ - com quadros e o poema homônimo do Poeta Valdemir Costa

Search Engine Submission - AddMe


quinta-feira, 22 de dezembro de 2011

O FANTASMA DOS NOSSOS NATAIS PASSADOS

Os Fantasmas dos Nossos Natais Passados

Cheguei a singela conclusão,  que odeio o natal.
Todas aquelas coisas vermelhas e douradas.


As luzes, que só servem para enfeitar e
consomem um monte de energia elétrica.
Aquelas canções chatas com aqueles refrãos piegas.
A correria para comprar presentes fúteis e gastar um dinheiro que não temos.
As imitações de pinheiros  dourados ou brancos imitando neve.
Os programas de ajuda “tipo natal sem fome” ou campanha do agasalho.
A decoração extravagante dos shoppings nesta época.
O bacalhau comprado a preço de ouro e as frutas que só são vendidas nessa época, por que são muito caras.
A ceia com mais comida do que o ano todo, enquanto tem gente

  sem nada pra comer.
E toda essa hipocrisia reinante no espirito do natal, que acaba no ano novo.
Mas sem sombra de dúvida, o que eu mais odeio no natal é aquele cara gordinho de barba e bigodes brancos, vestindo um agasalho vermelho em pleno verão carioca, dando aquela risada ridícula, que entrega presentes para todas crianças, mas nunca passou pela minha casa.




Valdemir Costa

Nenhum comentário:

Postar um comentário

COMENTE E DEIXE SEU POEMA NO EmBAIXADA POÉTICA.